domingo, 31 de janeiro de 2016

Centenário do nascimento de Vergílio Ferreira


Escritor, professor, editor, amigo de Vergilio Ferreira, Francisco José Viegas falou para uma plateia composta por cerca de duas centenas de alunos, professores e alguns convidados. “Aqui tão perto da sua montanha…Vergílio Ferreira devia ter gostado de ver”( como referiu o jornalista da TSF, Fernando Alves) Francisco José Viegas falou para um público atento e participativo.

Num discurso cativante, com gestos largos, o escritor falou de Vergílio Ferreira da sua vida, da sua obra, sobretudo, da forma como a sua obra o fascina… ainda hoje, como quando a leu a primeira vez, tinha ele 16 anos, e nela encontrou respostas a perguntas essenciais que colocava nessa fase da vida. Confessando-se, sobretudo, um apaixonado leitura e dos livros, o escritor realçou a importância da leitura salientando, num tom de desafio, que “quem tem explicação para tudo não precisa de ler”. 

Sem comentários:

Publicar um comentário